Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Um escândalo

14.07.16

Ficámos a saber na passada 6ª feira que Durão Barroso vai ser presidente não executivo da Goldman Sachs International. Muitos criticam esta nomeação, outros não.

Por exemplo, Marcelo Rebelo de Sousa considerou que ele atinge "o topo da vida empresarial". Já António Costa, desejou-lhe apenas "felicidades".

O comissário europeu Pierre Moscovici diz que a ida para a Goldman Sachs não é ilegal, mas considera que decisão é má para a imagem da Comissão e que que quando terminar o mandato que ocupa atualmente como comissário para os Assuntos Económicos e Financeiros da União Europeia não vai para a Goldman Sachs. O secretário de Estado francês para os Assuntos Europeus Harlem Désir também critica a decisão do antigo presidente da Comissão Europeia, que classifica de "escândalo", recordando o papel desempenhado pela Goldman Sachs na crise financeira de 2008.

Durão Barroso, que ficou com uma bela reforma quando saiu da Comissão Europeia, reagiu às críticas dizendo "É-se criticado por ter cão e por não ter".

Neste caso, há uma grande falta de transparência, de promiscuidade entre a alta finança e os mais altos cargos públicos. Para Durão Barroso, infelizmente isto não tem importância nenhuma.

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:21



Astronomy Picture of the Day


Música do dia

anteriores

Tira do Armandinho




subscrever feeds