Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Termina hoje em Viseu a Volta a Portugal em bicicleta, com um contra-relógio de 20,1 km. Rui Alarcón vai ser o último a sair e antes dele o colega de equipa Amaro Antunes, que se encontra a 31 segundos do 1º lugar.

Ontem a W52 FC Porto deu espectaculo na etapa rainha, com subida à Torre e que acabou na Guarda. Alarcón e Amaro Antunes terminaram a etapa juntos com 4m41s de vantagem sobre os maiores adversários.

A meio da subida da Torre, Alarcón deixou os pelotão e foi ter com os colegas de equipa que iam fugidos.

Amaro Antunes já tinha vencido este ano o Grande Prémio Joaquim Agostinho.

Rinaldo Nocentini do Sporting Tavira baixou para o 4º lugar, esperando no contra-relógio conseguir ultrapassar o espanhol Vicente Garcia de Mateos, que está apenas a 8 segundos. O Sporting Tavira este ano não conseguiu vencer nem uma etapa.

Para o ano espera-se que a W52 FC Porto deixe o pelotão nacional, para ir competir pela Europa fora, com as equipas do seu nível. Assim, pode ser que outras equipas vençam a prova rainha do ciclismo português.

 

Próximo post no dia 24.

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:20

17,19 m

11.08.17

Nelson Évora, aos 33 anos, voltou a conquistar uma medalha nos campeonatos do mundo de atletismo. Desta vez foi uma medalha de bronze, que para ele é como se fosse de ouro, depois das lesões que teve. 

Esta foi a 4ª medalha de Nelson Évora em Mundiais, repetindo o bronze de há 2 anos, em Pequim, depois de ter sido campeão em 2007, em Osaka, e medalha de prata em 2009, em Berlim.

Nelson Évora não tinha grande resultados esta época, que lhe permitissem sonhar com uma medalha mas "contra tudo, contra todos, contra as estatísticas", consegui o 3º lugar.

Os 17,19m foram conseguidos logo ao 2º ensaio, que na altua ainda era o 2º melhor. Melhor que ele estiveram os norte americanos Christian Taylor (17,69m) e Will Claye (17,63m).

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:16

Alarcón

09.08.17

Raul Alarcón é este ano o ciclista da W52-FC Porto em destaque na Volta a Portugal. Chegados ao final da 4ª etapa, Alarcón já venceu 2 etapas - a 2ª etapa com chegada a Setúbal, depois de passar pela Arrábida, e ontem a chegada à Senhora da Graça.

Só até Setúbal é que a camisola amarela não esteve no corpo de Alarcón, pois o prólogo foi ganho pelo militar francês da Armée de Terre, Damien Gaudin.

Alarcón está no ponto mais alto da carreira, depois de ter ganho este ano a Volta às Astúrias (onde venceu o colombiano Nairo Quintana) e o GP Jornal de Notícias, tendo ainda feito 2º lugar na Volta à Comunidade de Madrid.

Quem tem tentado lutar contra o domínio dos azuis e brancos na Volta é o Sporting Tavira, com o italiano Rinaldo Nocentini, 3º classificado no campeonato italiano, a estar a 25 segundos do 1º lugar.

Hoje os ciclistas chegam a Viana do Castelo, com a meta instalada no Santuário de Santa Lúzia.

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:42

3rd place

06.08.17

Era com grande expectativa que se aguardava ontem a final masculina dos 100 metros, no Campeonato do Mundo de Atletismo, que estão a decorrer em Londres. Esta era a última final de Usain St. Leo Bolt, que anunciou a sua retirada aos quase a chegar aos 31 anos.

A surpresa aconteceu - a meio da prova o público começou a ver que Bolt não ia conseguir chegar em 1º lugar. Bolt ficou em 3º lugar, fazendo o melhor tempo da temporada. O novo campeão do mundo é agora o norte americano Justin Gatlin, que fez os 100 metros em 9,92s, menos 0,03s que Bolt. Gatlin volta às vitórias 12 anos depois.

A foto desportiva do ano pode ver-se aqui.

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:52

Já há uma nova grande estrela norte-americana na natação - Caeleb Remel Dressel. Nasceu em Green Cove Springs, na Flórida, a 16 de Agosto de 1996, tem 1,91 e pesa 86 kg.

Ontem nos campeonatos do mundo, que se estão a disputar em Budapeste, conquistou 3 medalhas de ouro, o que nunca ninguém tinha conseguido - 50m livres, 100m mariposa e a estafeta mista dos 4x100m livres, em menos de 2 horas. Já no dia 23 tinha conquistado a medalha de ouro nos 50m mariposa e a  27, nos 100m livres.

Nos jogos Olímpicos do ano passado no Rio, só tinha conquistado medalhas de ouro nas provas de estafetas.

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:42

Está a chegar ao fim o Tour de France. Este ano a diferença entre os primeiros classificados é muito pequena mas Chris Froome deve ser o vencedor - entre o 1º e o 3º lugar só há 29 segundos.

Ontem disputou-se a última etapa de montanha, entre Briançon e Izoard, nos Alpes. A paisagem era fabulosa. Por aqueles lados só conhecia Vars, por onde passou a etapa. O vencedor da etapa foi o francês Warren Barguil, da Sunweb, que vai ser o vencedor do prémio da montanha. Chris Froome, Romain Bardet e Rigoberto Uran, os primeiros classificados chegaram 20 segundos depois. O italiano Fabio Aru, que conseguiu tirar a camisola amarela a Froome durante um dia perdeu mais 1 minuto., descendo para o 5º lugar. 

Hoje os ciclistas vão de Embrun para Salon-de-Provence (222,5 km). Amanhã há contra-relógio em Marselha. No domingo a prova termina como é hábito em Paris.

 

ps: Próximo post no dia 24

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:24

8ª vez

17.07.17

O suíço Roger Federer, actualmente nº 4 do mundo, que faz já 36 anos a 8 de Agosto, venceu ontem pela 8ª vez, em 11 finais, o Torneio de  Wimbledon. 

O derrotado foi o croata Marin Cilic, número 6 do mundo, com os parciais de 6/3, 6/1 e 6/4 em 1h34m. Este foi o 19º troféu de Grand Slam da sua carreira.

A anterior vitória em Wimbledon tinha sido já em 2012. Este ano já tinha vencido o Open da Austrália. A 1ª vitória de um torneio do Grand Slam foi já em 2003, em Wimbledon.

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:05

Ontem fui até à Serra do Montejunto ver o final da etapa 2 do Troféu Joaquim Agostinho. O tempo não estava convidativo mas mesmo assim foram muitos o que foram até lá. Os ciclistas este ano subiram por Vilar, eu fui de carro por Pragança.

Não fui até à meta pois aí eram poucos os metros que veria os ciclistas, tendo ficado a cerca de 900 metros, onde se tinha a melhor vista para ver os ciclistas na subida.

Os ciclistas vinham em vários grupos na subida, com Amaro Antunes, da W52 FC Porto, isolado, seguido a poucos segundos por José Neves, da Liberty Seguros/Carglass, e Frederico Figueiredo, do Sporting-Tavira. As estrelas do pelotão vinham um pouco mais atrás - Rinaldo Nocentini, do Sporting-Tavira, João Benta, do RP Boavista, Hugo Sancho, da LA Alumínios, Sérgio Paulinho, da Efapel, Edgar Pinto, da LA Alumínios e Raul Alarcon, da W52 FC Porto. Claro que quando passaram por mim só reconheci Rinaldo Nocentini e mais atrás Gustavo Veloso.

Depois na net fiquei a a saber que José Neves, campeão nacional de contra-relógio na categoria de sub-23 e recente vencedor da Volta a Portugal do Futuro, que ficou em 3º, conquistou a camisola amarela, Amaro Antunes, o vencedor da etapa, subiu ao 2º lugar, Frederico Figueiredo, 2º classificado na etapa, está em 3º lugar, e Rinaldo Nocentini, 5º na etapa, está em 4º lugar.

Na televisão nenhum canal falou sobre esta prova, a não ser o Porto Canal, que informou da vitória dum ciclista do clube.

Hoje os ciclistas têm uma etapa dividida em 2 sectores - 1º sector com 78 quilómetros, partida em Atouguia da Baleia e chegada ao Vimeiro e o 2º sector de 111 km num circuito em Torres Vedras. Amanhã os ciclistas percorrem os últimos 162 km da prova entre São Martinho do Porto e o Parque Eólico de Carvoeira 

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:48

No 1º dia de montanha do Tour, o vencedor foi o sardenho Fabio Aru, este ano com a camisola de campeão italiano. A 2 km do final da etapa, em La Planche des Belles Filles, Fabio Aru fugiu ao grupo de favoritos que ia na frente e nunca mais o apanharam, conseguindo chegar à meta com 16 segundos de vantagem. Hoje a Gazzetta dello Sport traz a vitória do italiano na 1ª página. Esta é a 1ª grande vitória de Aru da temporada, depois de ter estado lesionado, não tendo participado no Giro, que até começou na terra natal.

Com esta vitória, Aru alcança o 3º lugar, a 14 segundos do camisola amarela, que ontem também mudou de dono. Christopher Froome chegou a 20 segundos e ultrapassou o colega de equipa Geraint Thomas, que perdeu 20 segundos, conseguindo no entanto ficar em 2º lugar.

Os outros favoritos a vencer a prova têm ainda hipóteses estando a menos de 1 minuto - Richie Porte, em 5º, a 39 segundos, Romain Bardet, em 7º, a 47 segundos, Alberto Contador, em 8º, a 52 segundos, e Nairo Quintana, em 9º, a 54 segundos.

A próxima etapa de montanha é já no sábado, com chegada a Station des Rousses, perto de Genebra.

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:26

Iniciou-se ontem em Düsseldorf o Tour de France, com um contra-relógio de 14 km. Hoje partem para Liège. Amanhã já terminarão em França - Longwy.

O 1º camisola amarela é o britânico Geraint Thomas, da Sky. A 1ª selecção já está feita, com Christopher Froome, a 12 segundos, Richie Porte, a 47 segundos, Nairo Quintana, a 48 segundos, Romain Bardet, a 51 segundos, Fabio Aru, a 52 segundos, e Alberto Contador, a 54 segundos.

Ontem o dia também foi marcado pela queda, por causa da chuva, de Alejandro Valverde, que foi obrigado a a abandonar a prova.

Os ciclistas chegarão a França a 23 de Julho, após 21 etapas e depois de percorridos 3540 km.

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:26



Astronomy Picture of the Day


Música do dia

anteriores

Tira do Armandinho