Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Hora a hora

por aespumadosdias, em 05.10.10

Tudo começou no dia 3 de Outubro de 1910. O regime monárquico acabou por cair sem grande resistência mas a revolta quase que fracassou. Já lá vão 100 anos.

Ficam aqui algumas das horas marcantes:

- 3 de Outubro às 12h: Corre a notícia de que Miguel Bombarda tinha sido vítima de atentado. Agitação de republicanos na Baixa de Lisboa.

- entre 20h30 e as 22h30: Reunião de líderes republicanos num 3º andar da Rua da Esperança confirma o arranque da insurreição militar à 1h da manhã do dia 4. Dom Manuel começa a jantar com o Presidente da República do Brasil no Palácio de Belém.

- às 24h: Os líderes republicanos juntam-se no estabelecimento de banhos de São Paulo, à espera da revolta.

- 4 de Outubro à 1h: Oficiais e sargentos republicanos, com o apoio de alguns civis, sublevam os regimentos de infantaria 16, em Campo de Ourique, e de Artilharia 1, em Campolide, o quartel da marinha, Alcântara, e os cruzadores São Rafael e Adamastor, fundeados diante do Terreiro do Paço. A revolução, porém falhou em todos os outros quartéis e no maior dos navios de guerra, o Dom Carlos.

- entre a 1h e as 3h: As tentativas dos militares rebeldes avançar sobre o palácio real das Necessidades fracassam.

- entre as 3h e as 4h: Cerca de 300 militares dos regimentos da Infantaria 16 e Artilharia 1, acompanhados por 200 civis, acampam na Rotunda ao alto da Avenida da Liberdade.

- entre as 6h e as 6h30: O almirante Cândido dos Reis, chefe militar máximo da insurreição, suicida-se, perante o desastre da revolta. Os chefes republicanos dispersam-se e escondem-se.

- entre as 8h e as 9h: Convencidos de que tudo estava perdido, os oficiais do exército a abandonam a Rotunda. O comissário naval Machado Santos, com 9 sargentos e cerca de 200 soldados, decide ficar "custe o que custar". O mesmo fazem os tenentes da armada suvlevados no quartel de Alcântara e nos navios.

- às 12h: O São Rafael e o Adamastor fazem fogo sobre o palácio das Necessidades. O governo manda o Rei sair de Lisboa e ir para Mafra.

- entre as 13h e as 16h: Primeiro bombardeamento contra a Rotunda por uma força da artilharia comandada pelo capitão Paiva Couceiro. Machado dos Santos resiste.

- às 17h: O São Rafael faz fogo sobre o Terreiro do Paço e o Rossio.

- entre as 19h30 e as 21h30: O tenente José Carlos da Maia, num pequeno rebocador da alfândega, toma de assalto o Dom Carlos. Todos os navios de guerra são agora republicanos.

- às 24h: O governo sai do quartel-general do Rossio, onde está a maior parte das forças fiéis, e perde o contacto com o comando militar em Lisboa.

- 5 de Outubro entre as 5h e as 7h: Segundo bombardeamento de Paiva Couceiro à Rotunda.

- às 7h: Cessar-fogo, pedido pelo encarregado de negócios da Alemanha para fazer sair estrangeiros de Lisboa.

- às 8h30: Machado dos Santos desce a avenida à frente de uma multidão até ao quartel-general no Rossio, onde o comando militar desiste de lutar.

- às 9h: À varanda dos paços do concelho, José Relvas, membro do directório do Partido Republicano, proclama a República.

- às 16h: Na Ericeira, a família real embarca no iate Amália, em direcção a Gibraltar.

 

Fonte: Revista Sábado de 23 de Setembro.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:12


1 comentário

Sem imagem de perfil

De naamericaprofunda a 05.10.2010 às 17:04


:-) espectacular o post
bom feriado

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Astronomy Picture of the Day





Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2009
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2008
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D