Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Cadeira vazia

por aespumadosdias, em 11.12.10

Ontem foi o dia da cerimónia da entrega dos prémios Nobel. Como já se sabia Liu Xiaobo não esteve presente pois continua preso na província de Liaoning, nordeste da China. Liu Xiaobo foi condenado em dezembro de 2009 a 11 anos de prisão por "actividades subversivas". Na China não há direito de expressão.

Durante a cerimónia de entrega do Nobel da Paz, o presidente do comité norueguês colocou o certificado e a medalha na cadeira vazia, em homenagem ao activista. A mulher do dissidente chinês também foi impedida de se deslocar a Oslo.

Também foi lido pela actriz norueguesa Liv Ulman um texto proferido pelo galardoado em 23 de Dezembro de 2009 durante o julgamento – “um texto proferido pelo galardoado no dia 23 de Dezembro de 2009, na ocasião do julgamento  um texto proferido pelo galardoado no dia 23 de Dezembro de 2009, na ocasião do julgamento - não tenho inimigos, nem sento ódio, porque essa forma de pensar incita a enfretamentos sangrentos e cruéis, destrói a tolerância e humanidade de uma sociedade e dificulta os progressos de uma nação em direcção à liberdade e à democracia".

Das 65 embaixadas presentes em Oslo, 20 declinaram o convite para a cerimónia, incluindo a China, a Rússia, a Sérvia, o Iraque, o Afeganistão e Cuba e 45 aceitaram comparecer, estando nesta situação os países membros da União Europeia, os EUA, o Japão, a Índia e a Coreia do Sul.

 

Foto do site noticias.terra.com.br.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:31


4 comentários

Sem imagem de perfil

De Rafeiro Perfumado a 11.12.2010 às 18:02

Curioso como tratando-se da China já não se atrevem a falar em sanções...
Imagem de perfil

De Kok a 11.12.2010 às 18:51

Apesar dos muitos exemplos na história da humanidade os governantes continuam sem perceber que mais tarde ou mais cedo chega sempre o momento da libertação; da independência; do reconhecimento!
Quer se trate de pessoas singulares, quer se trate de países.
E não serve de desculpa os chineses dizerem que "vêem as coisas com outros olhos."
Sem imagem de perfil

De stiletto a 12.12.2010 às 03:12

Ninguém faz nada porque a China faz muita falta (e dá muita saúde) às finanças de uma série de países. E depois quem é que comprava a dívida externa?!
Imagem de perfil

De Dylan a 19.12.2010 às 22:25

A China é de facto um grande país, com uma economia de peso, mas o seu regime político transforma a nação num pequeno tigre de papel que não convive bem com a democracia. Com a atribuição do Nobel da Paz a Liu Xiaobo isso ainda foi mais evidente: a censura rançosa do moderno social-comunismo nos meios audiovisuais, na internet e a tentativa de intimidar os países que marcassem a sua presença em Oslo.  O cúmulo do despeito aconteceu com a criação apressada do Prémio Confúcio da Paz que acabou por ser um contra-senso pois a doutrina filosófica do confucionismo baseia-se na consciência política e no respeito pelos valores morais e sociais. Nem a compra de parte da dívida pública portuguesa pela China poderá jamais branquear o desterro do Dalai Lama, o massacre de Tiananmen e as constantes violações dos direitos humanos de personagens como Liu Xiaobo.

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Astronomy Picture of the Day





Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2009
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2008
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D