Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Juventude perdida

por aespumadosdias, em 10.08.11

Londres e outras cidades inglesas estão a viver situações nunca imagináveis - jovens estão a provocar distúrbios em vários locais, incendiando e assaltando viaturas e lojas. A polícia que no início estava em pouco número nas ruas pouco fez, deixando que os jovens fizessem o que queriam.

A ministra do interior na 2ª feira chegou a apelar aos pais destes jovens para que controlassem os filhos, como isso fosse possível. Estes jovens desempregados ou que estão em férias escolares tinham até há pouco tudo de mão beijada, como roupas de marca e telemóveis de última geração, pois os pais recebiam subsídios do estado, que agora foram cortados. Parece que para reunir os jovens para estes actos de vandalismos foram usadas as redes sociais e o sistema de mensagens do BlackBerry pois é livre, compatível com multimédia e privado.

Quem está a sofrer com tudo isto são os comerciantes destas zonas, que estão a viver um enorme caos e que vivem do seu trabalho de uma forma honesta. Se queriam protestar contra as medidas do governo fossem para o centro de Londres manifestar-se. 

Agora vamos ver se estas cenas de violência não vão passar as fronteiras de Inglaterra pois jovens como estes não há só por lá. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:39


56 comentários

Sem imagem de perfil

De P a 10.08.2011 às 12:12

 Nem é preciso ser cientista pois não? Passou-se da quase total falta de respeito pelos jovens para o laxismo. Uma alta percepção dos direitos e pouca dos deveres. Pais imersos em responsabilidades e stress, É imperioso a redução do tempo de trabalho. Os jovens precisam de pais mais presentes e sem sentimentos de culpa em relação ao tempo dedicado aos filhos. Deve-se facultar tarefas remuneradas nas férias para que os jovens possam adquirir os bens que desejam por si mesmos. Tomam contacto com o mundo do trabalho e com o valor do dinheiro. Muitos jovens de hoje só têm similares no passado  nos filhos hedonistas da aristocracia de antanho.
Sem imagem de perfil

De José a 10.08.2011 às 17:26


Até que enfim que vejo alguém referir a redução da jornada de trabalho como uma maneira de, não só responder ao problema do desemprego mas também contribuir para os pais terem mais tempo para dedicar aos filhos. Muitos parabéns pela referência ao tema e convido-o desde já a juntar-se ao grupo que eu constituí no facebook para redução da jornada de trabalho.
Imagem de perfil

De aespumadosdias a 10.08.2011 às 17:44

Também concordo com essa medida mas isso não vai acontecer tão cedo, infelizmente.

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Astronomy Picture of the Day


Tira do Armandinho




Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2017
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2016
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2015
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2014
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2013
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2012
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2011
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2010
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2009
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D
  209. 2008
  210. J
  211. F
  212. M
  213. A
  214. M
  215. J
  216. J
  217. A
  218. S
  219. O
  220. N
  221. D