Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Médias negativas

por aespumadosdias, em 09.07.12

Os resultados dos exames estão aí - médias negativas nas provas do secundário, mas 6º e 9º ano tiveram nota positiva.

Nas de Língua Portuguesa e de Matemática do 9º ano, a média em ambas as disciplinas foi de 53%.  Na reia nos exames nacionais do 6º ano, a média de Língua Portuguesa foi de 59% e a de Matemática de 54%. No ensino secundário, nas quatro provas mais concorridas – Português, Biologia e Geologia, Física e Química A e Matemática A - as médias ficaram abaixo dos 10 valores. Assim, em Português a média foi de 9,5 (o 2º pior resultado de sempre mas melhor que o ano passado em que a média foi 8,9 valores). Em Biologia e Geologia e Física e Química A os resultados pioraram em relação ao ano passado, sendo as médias nos exames deste ano, respectivamente, de 9,3 e 7,5, sendo este último o pior resultado das 25 disciplinas sujeitas a exame nacional, e só em 2007 o resultado foi mais baixo (7,2 valores). Em Matemática A, a média passou de 9,2 para 8,7, a pior dos últimos seis anos.

Algo tem de mudar rapidamente no secundário, ou se calhar na exigência, que tem de ser maior no ensino básico para que os alunos não cheguem ao 10º ano tão mal preparados. No secundário muitos ainda vão consiguindo fazer as disciplnas com notas que vão dando passar e nos exames espalham-se ao comprido.

Na minha disciplina, o fim das aulas de turnos todas as semanas no ensino básico, passando só a haver turnos numa aula de 90 minutos semana sim, semana não, para cada turma, não se avizinha uma boa solução.

 

Foto da capa do jornal Púbico de hoje.

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:40


4 comentários

Sem imagem de perfil

De maria a 09.07.2012 às 10:03


Nos últimos 10 anos, em nome das estatísticas, abandalhou-se a escola de tal maneira, que agora dá nisto e vai ser muito difícil dar a volta...infelizmente :(

Ainda acredito que há bons professores, que sabem, e querem, realmente ensinar, mas a ver por estes resultados...o problema é que não há uma segunda chance, as crianças crescem...

Há dias li um texto de uma menina de 8 anos, está na 3ª classe, tinha 4 ou 5 erros, quando a chamei à atenção para os erros, respondeu que não faz mal, que a professora deixa...que tipo de professora é esta que deixa que os alunos errem e que não as corrige?

Devia-se ensinar e corrigir desde o primeiro dia...

E já nem falo dos, do costume, que incitam às manifestações contra os exames...os exames sempre serviram para ver o que um aluno aprendeu durante um determinado período de tempo...parece que apredem/ram muito pouco, apenas andaram na escola.

Beijinho :)
Imagem de perfil

De golimix a 09.07.2012 às 22:15

Bem, quanto a exames tenho uma opinião muito específica acerca deles, talvez queira ver no meu blogue http://golimix.blogs.sapo.pt/44782.html, e por acaso foi aí, nos comentários a esse post que o Kok me falou deste blogue, tive curiosidade passei por cá e cá fiquei ;)
Estes exames à molhada sem medidas de ensino coerentes consistentes e um sistema educativo que aposte em vias diferenciadas promovendo uma melhor qualificação da aprendizagem e, claro, profissional, a meu ver não tem sentido.
E a nova medida de 30 alunos por turma deixa bem claro que a "molhada" é o que interessa!

Bjs e boa semana
Imagem de perfil

De Kok a 09.07.2012 às 23:03

Vou-me repetir:
o principal professor que temos é o professor primário!
Se ele é interessado; se ele é bem preparado; se ele é correctamente apoiado, então ele (ou ela, evidentemente), vai "produzir" alunos interessados em aprender e a participarem interessadamente no processo de aprendizagem e no gosto pela escola.
Eu tive dos outros mas também tive um destes!
E foi este um que me mostrou (e aos então meus colegas de "curso") como era bom andar na escola.
Muito do que ainda hoje faço e penso e digo e escrevo, a ele o devo!

1 abraço páh!
Imagem de perfil

De aespumadosdias a 10.07.2012 às 07:57

Também penso que muitos dos problemas do ensino em Portugal estão num mau ensino no 1º ciclo, como agora se chama.

Um abraço

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Astronomy Picture of the Day





Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2009
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2008
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D