Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Gilets Jaunes

21.11.18

Os franceses andam novamente zangados com Emmanuel Macron.

Centenas de milhares de pessoas têm bloqueado estradas nos últimos dias. Andam todas com coletes amarelos (gilets jaunes). O pretexto foi o aumento do preço dos combustíveis. Organizaram-se expontaneamente através das redes sociais e os bloqueios estão a tomar dimensões consideráveis. Por enquanto ainda não há um líder deste movimento. 

Emmanuel Macron e o primeiro ministro Édouard Philipp dizem que a subida do preço dos combustíveis é irreversível, por razões ambientais. Os manifestantes não querem saber dos problemas do clima, querem é melhoria das suas condições de vida.

Vamos lá ver o que vão conseguir.

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:21

Donald Trump esteve na Califórnia para ver a catástrofe que assolou aquele estado norte americano por causa dos incêndios. As chamas daquele que é já o incêndio mais mortífero da história da Califórnia desde que existem registos consumiram mais de 570 quilómetros quadrados de área. Ontem as autoridades falavam em 993 desaparecidos na sequência desta catástrofe e em 77 mortos.

Donald Trump falou da Finlândia como o exemplo a seguir em matéria de gestão florestal. Disse que esteve com o presidente finlandês e que ele lhe disse que a Finlândia é um país de florestas e que eles passam muito tempo a limpá-las e não têm qualquer problema ou quanto têm, é muito reduzido.

O presidente finlandês Sauli Niinistö, diz que a conversa entre ambos não teve nada a ver com limpeza de florestas mas que abordou a eficácia do sistema de vigilância e alerta. Na internet muitos finlandeses começaram a colocar fotos a limpar as florestas, lembrando a Donald Trump que para além outros factores, as condições climatéricas da Finlândia e da Califórnia são muito diferentes para fazer comparações.

Sobre as alterações climáticas, Donald Trump disse que estes incêndios não o fizeram mudar de opinião.

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:33

Farewell

11.11.18

Um dos personagens do Saturday Night Live vai deixar o programa. Esta madrugada Jeff Sessions, interpretado pela actriz Kate Mckinnon, despediu-se do seu gabinete no Departamento de Justiça, no Cold Open do SNL.

Jeff Sessions, de 71 anos, foi o 84º Procurador-Geral dos Estados Unidos entre 9 de Fevereiro do ano passado e 
a passada 4ª feira. No início do mandato de Trump, Sessions era um dos maiores apoiantes de Donald Trump e por isso era muito satirizado no SNL.

A relação entre Donald Trump e Jeff Sessions foi-se deteriorando com o tempo, tendo o Presidente dirigido por diversas vezes críticas ao procurador-geral. Segundo o jornalista Bob Woodward, autor do livro “Fear: Trump in the White House”, Trump chegou a chamar “atrasado mental” a Jeff Sessions. Incomodado com a investigação sobre a relação entre a Rússia e campanha para as Presidenciais norte-americanas, Trump manifestou-se insatisfeito com a atuação do Departamento de Justiça e Jeff Sessions

Donald Trump, no Twitter, agradeceu o trabalho realizado pelo procurador e desejou-lhe felicidades. Também no Twitter, Trump anunciou que o chefe de gabinete de Sessions, Matt Whitaker, será o procurador-geral interino.

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:49

O Partido Popular Europeu, de que fazem parte PSD e CDS, esteve reunido em Helsínquia para escoher o candidato à Presidência da Comissão Europeia. Os candidatos eram o finlandês Alexander Stubb, ex-ministro das finanças e antes dos negócios estrangeiros, e o alemão Manfred Weber, actual líder do PPE e do presidente do grupo parlamentar no Parlamento Europeu.

Rui Rio votou em Weber e Assunção Cristas em Alexander Stubb. Eu nunca tinha ouvido falar destes 2 senhores.

Weber era o favorito e foi eleito 9,2% dos votos dos delegados, contra apenas 20% do candidato finlandês.

Se o PPE continuar a ser a principal força política no Parlamento Europeu, é grande a probabilidade de os chefes de governo aprovarem o nome de Manfred Weber em Conselho Europeu.

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:43

Ontem foi dia de eleições nos Estados Unidos. Os americanos escolheram os 435 membros da Câmara dos Representantes, um terço dos 100 senadores e 36 dos 50 governadores. No entanto, foi Donald Trump que esteve a ser avaliado.

Os republicanos queriam manter o controlo das 2 câmaras do Congresso, mas as sondagens mostravam ser muito provável que os democratas recuperassem a Câmara dos Representantes, enquanto o Senado deve continuaria republicano. E assim aconteceu. No senado os republicanos conseguiram mesmo ganhar mais lugares

Donald Trump definiu no Twitter como um "sucesso tremendo", agradecendo "a todos".Democrata já tinham Os Democratas já tinham deixado claro durante a campanha que se vencessem a Câmara dos Representantes, não iriam facilitar a vida ao presidente, travando as políticas de Trump em áreas como a saúde, a imigração ou a reforma fiscal.

 

 Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:05

Para muitos é considerado um herói, para outros alguém que instrumentalizou a justiça contra o PT. Agora é premiado com o Ministério da Justiça e da Segurança Pública. Se não fosse Sérgio Moro, nunca Jair Bolsonaro seria Presidente do Brasil.

Quem não apoiar Jair Bolsonaro e não tiver a ficha limpa está tramado. Agora vai ser mais fácil governar o Brasil. Acredito também que a criminalidade vai diminuir, com pena de morte para quem cometer crimes mais graves.

Outro nome que já há muito se vem fando para ministro é o do único astronauta brasileiro. Marcos Pontes, tenente-coronel da Força Aérea Brasileira, que actualmente está na reserv e que esteve na Estação espacial Internacional em 2006 durante 1 semana, será Ministro da Ciência e Tecnologia, ficando também com a pasta do Ensino Superior.

Muito polémica está a ser também a nunciada fusão entre os ministérios da Agricultura e do Ambiente, o que coloca os ecologistas defensores da Amazónia muito preocupados.

 

 Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:41

Os brasileiros saíram à rua, de verde e amarelo, para festejar a vitória de Jair Messias Bolsonaro. Parecia que tinham ganho a Copa. Foram mais de 10 milhões de votos de diferença.

Ontem à noite os comentadores da Globo News diziam que ele é um populista de direita. Por cá chamam-lhe fascista.

A declaração de vitória foi feita pelo Facebook, com a mulher, Michelle, 25 anos mais nova, e uma interprete de linguagem gestual a seu lado. Em cima da mesa estava uma biblia e a constituição. Minutos depois houve, já com um jornalista da Globo presente, uma oração a Deus. Só visto, não dando para a acreditar.

Gostava tanto de ver a cicatriz da facada em Bolsonaro no dia 6 de Setembro, em Juiz de Fora. Tudo mudou a partir dessa data.

Os brasileiros acreditam na Mudança do Brasil, com o fim da corrupção. Também acreditam no fim da crise económica. Com a democracia, a maioria dos brasileiros não está preocupada.

O melhor momento da noite o discurso de derrota de Fernando Haddad, que vai continuar a lutar. Estão com ele 46 milhões de brasileiros. O Partido dos Trabalhadores ressuscitará.

 

 Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:09

Bruxelas chumbou o Orçamento italiano e deu um prazo de 3 semanas para que se fizessem alterações. O Orçamento não cumpre as metas estabelecidas no Pacto de Estabilidade e Crescimento.

Matteo Salvini, o vice-primeiro ministro e líder da Liga, já veio dizer que "Bruxelas pode mandar 12 cartinhas, daqui até ao Natal”, mas o orçamento “não muda", criticando aquilo que diz ser um “ataque à economia italiana”.

O outro vice primeiro-ministro e líder do Movimento 5 Estrelas, Luigi Di Maio, não ficou surpreendido e diz que esta é também a primeira vez que o orçamento italiano é escrito em Roma e não em Bruxelas.

O primeiro-ministro italiano, Giuseppe Conte, ter afirmou que “não há plano B” para o Orçamento.

Está instalado um braço de ferro. Será que é desta que um país não aceita as decisões de Bruxelas?

A Itália tem a 2ª dívida pública mais alta da zona euro, de 131% do PIB.

 

 Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:13

Foi a 8 de Dezembro de 1987 que em Washington, Ronald Reagan e Mikhail Gorbachev assinaram o Tratado de Forças Nucleares de Alcance Intermediário. O acordo previa a eliminação dos mísseis balísticos e de cruzeiro, nucleares ou convencionais, cujo alcance estivesse entre 500 e 5500 km. 

Agora Donald Trump anunciou que os Estados Unidos se retiram do tratado. Segundo Trump, os russos estão a violar os termos do acordo há muitos anos - "A Rússia violou o acordo. Está a violá-lo há muitos anos. Não sei por que é que o presidente Obama não negociou ou saiu do tratado... Não vamos deixá-los violar o acordo nuclear e andar a fabricar armas quando nós não podemos".

Mikhail Gorbachev veio dizer que se trata de "Um erro". A Rússia nega ter violado o acordo e Putin exigiu explicações a John Bolton, conselheiro de Trump para a segurança nacional, que já se encontra em Moscovo.

A relação entre a Rússia e os Estados Unidos está a deteriorar-se e isso não é bom para a humanidade.

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:01

A campanha eleitoral para a 2ª volta das presidenciais brasileiras de 28 de Outubro está ao rubro. As sondagens dão 59% para Jair Bolsonaro. 

Agora a polémica é o chamado "Caso do WhatsApp". O jornal Folha de São Paulo dizia na 5ª feira que havia empresas a contratar o envio, através do WhatsApp, de milhões de mensagens e notícias falsas contra Haddad, com o objectivo de beneficiar Jair Bolsonaro. Vários pedidos de investigação deram entrada no Tribunal Superior Eleitoral e pedem a impugnação da candidatura de Bolsonaro. O TSE já se reuniu e chegou a marcar uma conferência de imprensa para falar do caso, mas adiou os esclarecimentos para domingo. Fernando Haddad já veio dizer que Bolsonaro "não vai poder fugir da Justiça”.

Este esquema pode ser considerado financiamento ilegal de campanha eleitoral pois as empresas não podem doar dinheiro a campanhas.

Entretanto o WhatsApp já suspendeu as contas das empresas suspeitas de propaganda ilegal.

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:51



Astronomy Picture of the Day


Música do dia

anteriores

Tira do Armandinho