Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


25º vencedor

por aespumadosdias, em 28.05.13

Ontem ficou a saber-se o vencedor da 25ª edição do Prémio Camões. O anúncio do vencedor foi feito no Rio de Janeiro, onde o júri se reuniu.

O Prémio Camões foi criado em 1988 por Portugal e pelo Brasil para distinguir um autor de língua portuguesa que, "pelo valor intrínseco da sua obra, tenha contribuído para o enriquecimento do património literário e cultural da língua comum". Mia Couto é um desses casos pelo que o prémio foi bastante merecido.

O ano passado o prémio foi atribuído ao escritor brasileiro Dalton Trevisan e em 2011 ao escritor português Manuel António Pina. Outros grandes escritos lusófonos já foram distinguidos: António Lobo Antunes (2007), Sophia de Mello Breyner Andresen (1999), Pepetela (1997), José Saramago (1995), Jorge Amado (1994) e Miguel Torga (1988)

Na altura da Feira do Livro em Lisboa é uma boa ideia ir lá para comprar um livro de Mia Couto. O ano passado publicou o romance  "A Confissão da Leoa" e em 2009 "Jesusalém".

Mia Couto nasceu na Beira, Moçambique, em 1955, foi jornalista, é professor, biólogo e escritor.  

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:03

Desafio diferente

por aespumadosdias, em 12.01.13

Palomina lançou-me um desafio diferente. Trata-se de numa campanha de incentivo à leitura. Não sou um grande leitor mas no Verão, normalmente, leio 2 ou 3 livros.

 

As regras do desafio são as seguintes:

  • Indicar 10 Blogs para receberem o Selo (é proibido apenas deixar para quem quiser pegar sem indicar 10 blogs);
  • Avisar os Blogs Escolhidos;
  • Colocar a Imagem no Blog para apoiar a Campanha;
  • Responder à pergunta - Qual livro indicaria para alguém começar a ler?

 E os 10 blogs nomeados para este desafio são:

Agora o livro que escolhi - "A espuma dos dias", de Boris Vian. Trata-se do livro que se tornou muito famoso pois o seu título tornou-se uma expressão muito usada e que acabou por dar nome ao meu Blog. Fica aqui um excerto do prólogo:

"Na vida, o essencial é fazerem-se juízos a priori sobre tudo. Com efeito as massas erram, como é evidente, e os indivíduos têm sempre razão. A tal respeito, é forçoso abstermo-nos de deduzir regras de conduta: para serem seguidas não devem ter necessidade de ser formuladas. Só existem duas coisas: o amor de todas as maneiras, com raparigas belas, e a música de Nova Orleães ou Duke Ellington. O resto deveria desaparecer, porque o resto é feio (...)."
 
 
O livro foi-me oferecido o ano passado mas ainda não o li. Espero fazê-lo este ano.
Outro livro que pretendo ler este ano é "Dentro do segredo", de José Luís Peixoto.

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias. 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:31

Peito grande, ancas largas

por aespumadosdias, em 12.10.12

O comité Nobel gosta mesmo de alguns chineses. Depois de ter atribuído o Nobel da Paz a Liu Xiaobo em 2009, ontem atribuiu o Nobel da Literatua a Mo Yan, como é conhecido, de 57 anos.  O seu pseudónimo significa "não fales" e é  descrito como "um dos mais famosos, banidos e largamente pirateados escritores chineses". No entanto, a notícia foi recebida com grande entusiasmo na China.

O seu 1º romance surgiu em 1981 - "Falling Rain on a Spring Night". Em Portugal só foi publicado "Peito grande, ancas largas", de 1996. Nesta obra que foi proibida na China, revisita-se o século XX no país.

Uma obra dele já foi adaptada para cinema e ganhou o  o Urso de Ouro do Festival de Berlim em 1988 - "Sorgo Vermelho" do realizador Zhang Yimou.

A sua obra mais recente é "Frog", que fala da prática de abortos forçados na China devido à política de controle da natalidade imposta há três décadas, "um casal, um filho".

Gostava de ler as obras dele.

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:42

Saiu Saramago

por aespumadosdias, em 20.06.12

Estão aí os exames nacionais. Este ano a novidade são os exames a Língua Portuguesa e Matemática no 6º ano. Ontem fui fazer vigilância do exame de Língua Portuguesa do 6º ano. O texto que saiu foi um excerto de "A maior flor do mundo" de José Saramago. Também ele escreveu para crianças.

O texto era muito bonito mas não sei se os alunos terão percebido a história. As questões no exame pelo menos pareceram-me muito fáceis.

Fica aqui 1 pequeno excerto de "A maior flor do mundo":

"Sai o menino pelos fundos do quintal, e, de árvore em árvore, como um pintassilgo, desce ao rio e depois por ele abaixo, naquela vagarosa brincadeira que o tempo alto, largo e profundo da infância a todos nós permitiu... ".

Encontrei na net um video galego de Juan Pablo Etcheverry, narrado pelo próprio Saramago, sobre esta história que deixo aqui em seguida.

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:15

Män som hatar kvinnor

por aespumadosdias, em 29.01.12

Na 3ª feira fui ver o novo filme de David Fincher - "The Girl with the Dragon Tattoo", a 1ª parte da trilogia Millennium baseada na obra com o mesmo nome do escritor sueco Stieg Larsson (1954-2004), em que o título original é "Män som hatar kvinnor". Na 4ª feira a S. trouxe da biblioteca da terra onde trabalha o livro para ler. Tinha curiosidade em saber mais sobre as personagens Mikael Blomkvist e Lisbeth Salander e comecei a ler o livro com 539 páginas.

No filme, com Daniel Graig e Rooney Mara nos principais papéis, um jornalista condenado por difamação ao denunciar negócios corruptos no mundo dos negócios de Estocolmo é convidado por um velho empresário a investigar o desaparecimento de uma sobrinha, Harriet Vanger, nos anos sessenta. Para o ajudar nas investigações surge uma estranha jovem, Lisbeth Salander, com diversos problemas de integração na sociedade. Durante o filme, com mais de 2 horas, que passam rapidamente, vamos descobrindo vários segredos da família Vanger. Com o final do filme ficamos a perceber a razão do título do fime em português mas ficamos a meio da história dos 2 personagens principais, que não acabam juntos como seria de esperar.

Este filme também é um remake de um filme sueco que também tenho curiosidade em ver, do realizador Niels Arden Oplev de 2009, tendo também sido realizado por lá a e partes da saga.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:10

4º aniversário

por aespumadosdias, em 18.01.12

E hoje a Espuma dos Dias faz 4 anos. Já lá vão 1415 posts.

No futuro continuarei a comentar a actualidade, a falar das minhas viagens, a desabafar quando sentir necessidade, a falar sobre ciência e a homenagear personalidades que se destacaram em diversos sectores da sociedade.

Hoje homenageio Boris Vian (1923-1959) que escreveu "L'Ecume des Jours" em 1946, grande clássico da literatura francesa, e titulo que deu origem ao nome deste blog e que se tornou numa expressão muito usada por aí.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:20

Novo livro

por aespumadosdias, em 23.10.11

José Rodrigues tem novo livro nas bancas. Chama-se "O Último Segredo" e a apresentação foi ontem na Sociedade de Geografia de Lisboa.

Nesta obra, de 564 páginas, procura-se “a verdadeira identidade de Jesus Cristo”, tendo José Rodrigues dos Santos feito uma investigação que o levou, por exemplo, até Jerusalém. Irá haver polémica com a Igreja?

Na sinopse do livro refere-se que "Uma paleógrafa é brutalmente assassinada na Biblioteca Vaticana quando consultava um dos mais antigos manuscritos da Bíblia, o Codex Vaticanus. A polícia italiana convoca o célebre historiador e criptanalista português, Tomás Noronha, e mostra-lhe uma estranha mensagem deixada pelo assassino ao lado do cadáver."

Com este livro José Rodrigues dos Santos quer tornar-se no Dan Brown da língua de Camões. Para quando o filme?

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:08

Faria 100 anos

por aespumadosdias, em 15.10.11

A TSF ontem à noite assinalou o centenário do nascimento de Manuel da Fonseca, revisitando as memórias do grande escritor neorealista (Santiago do Cacém, 15 de Outubro de 1911 - Lisboa, 11 de Março de 1993). Conheci a sua obra quando no 11º ano, em Português, demos a obra O Fogo e as Cinzas. Comecei nessa altura a ser fã dele, seguindo a partir daí a sua obra e as diversas entrevistas que foi dando na rádio e às vezes na televisão.

Hoje é inaugurada a exposição "Por Todas as Estradas do Mundo", no Museu Municipal de Santiago do Cacém, patente até 26 de maio do próximo ano,  produzida pelo Museu do Neo-Realismo, situado em Vila Franca de Xira.

Ficam aqui as obras de Manuel da Fonseca: Rosa dos ventos, Planície, Poemas dispersos, Poemas completos, Obra poética, O Largo (Poesia), O Retrato, Aldeia Nova, O Fogo e as cinzas, Um anjo no trapézio, Tempo de solidão, Tempo de solidão (Contos), Cerromaior, Seara de vento (Romance), Crónicas algarvias, À lareira, nos fundos da casa onde o Retorta tem o café, O vagabundo na cidade, Pessoas na paisagem (Crónicas).

 

"Era o centro da Vila. Os viajantes apeavam-se da diligência e contavam novidades. Era através do Largo que o povo comunicava com o mundo. Também, à falta de notícias, era aí que se inventava alguma coisa que se parecesse com a verdade. O tempo passava, e essa qualquer coisa inventada vinha a ser a verdade. Nada a destruía: tinha vindo do Largo. Assim, o Largo era o centro do mundo."

in "O Fogo e as Cinzas"

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:11

A vida de...

por aespumadosdias, em 05.08.11

Acabei de ler um livro sobre a vida de Salvador Fernandes Zarco, mais conhecido por Cristovão Colombo. Para muitos ele era um navegador genovês que decobriu a América ao serviços dos Reis Católicos de Espanha. Mas há quem considere que a história está mal contada - Mascarenhas Barreto afirmou que ele nasceu em Cuba, no Alentejo, sendo filho de Dom Fernando, duque de Beja e de Viseu, e de Isabel Gonçalves Zarco, pelo que era primo do Rei Dom João II e neto de João Gonçalves Zarco.

Na obra de Margarida Pedrosa, "A paixão de Colombo", Cristovão Colombo é retratado como uma espécie de espião, ao serviço do Rei Dom João II, cuja missão foi a de desviar a atenção dos Reis de Castela do caminho marítimo para a Índia, oferecendo-lhes um caminho alternativo, mais curto, pelo Ocidente e um novo continente que já constava em mapas portugueses.

Durante a leitura vamos descobrindo muitos pormenores interessantes sobre a vida no final do século XV e início do século XVI. A forma como está escrito o livro é que deixa um pouco a desejar pois ao longo do texto o narrador mudar vezes de mais. 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:10

A ler

por aespumadosdias, em 13.07.11

Comecei no sábado à tarde, enquanto estava na praia, a ler o livro de José Eduado Agualusa, Milagrário Pessoal. Ontem voltei a ir à praia e levei o livro comigo, estando já na página 123.  Em princípio, hoje à tarde termino a leitura.

A história tem a ver com a busca da origem dos neologismos, pelo meio, há capítulos sobre lendas africanas, sonhos e histórias do passado, em que as palavras são sempre a personagem principal.

Por exemplo em relação às profissionais do sexo, muitas são as palavras que se encontram para se referir a elas em Pernambuco: "... colandrinas, ervondras, fandelírios, vulgívagas, mariposas, palomas, dissolutas, toleradas."

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:23


Mais sobre mim

foto do autor


Astronomy Picture of the Day





Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2009
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2008
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D