Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Beatas no chão

15.06.19

O PAN continua a tentar mudar os hábitos dos portugueses. Agora querem acabar com as beatas no chão, uma tradição tão portuguesa. No dia em que o assunto foi discutido na Assembleia da República, André Silva levou um garrafão de 5 litros com entre "1000 e 1.500" beatas apanhadas em 100 metros de um passeio da Avenida Almirante Reis. segundo o deputado do PAN, a cada minuto são atiradas para o chão cerca de 7 mil beatas.

O projecto de lei do PAN, apesar de muito criticado pelas outras bancadas, foi aprovado com os votos favoráveis do PS, Bloco, PEV e com a ajuda da abstenção do PSD, do PCP e da líder do CDS, Assunção Cristas, e dos deputados Teresa Caeiro, Pedro Mota Soares, João Gonçalves Pereira e João Almeida, enquanto que o resto da bancada do CDS votou contra. Agora o projecto de lei desce à Comissão de Ambiente, onde será feitas alterações, uma vez que todas as bancadas apontaram problemas ao texto. 

O projecto de lei proíbe o deitar das beatas para a via pública e prevê que o Governo promova acções de sensibilização para esta questão, tanto para os cidadãos como para os responsáveis por estabelecimentos comerciais, que ficam obrigados a dispor de cinzeiros. O não cumprimento destes pressupostos levará uma contra-ordenação ambiental leve ou muito grave e à aplicação de coimas elevadas.

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:35

Esquerda de luto

12.06.19

Um dos militantes mais prestigiados do PCP e bastante considerado mesmo fora do partido faleceu ontem. Ruben de Carvalho tinha 74 anos.

O PCP fica bastante mais pobre. Ruben de Carvalho foi um defensor da actual solução governativa, quando António Costa foi presidente da Câmara de Lisboa foi vereador e era um dos responsáveis pela organização da Festa do Avante, desde a 1ª edição. Também esteve na Comissão Executiva das Festas de Lisboa.

Foi preso pela PIDE 6 vezes, a 1ª em 1961 e a última a 7 de abril de 1974. Aderiu ao PCP em 1970.

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:43

Menos deputados

06.06.19

A redução do número de deputados voltou à baila. Na 4ª feira, Rui Rio numa conferência de imprensa após a reunião do Conselho de Opinião da comissão para a reforma do sistema eleitoral e político do PSD, veio com a ideia da redução de deputados através da representação dos votos brancos e nulos na Assembleia da República.

Esta ideia da redução do número de deputados não é nova mas agora lembrarem-se que os votos brancos e nulos podem dar lugares no parlamento, não lembrava a ninguém. Rui Rio diz que a ideia é pessoal e que ainda não foi discutida no PSD. Será que haverá portugueses que votarão nas próximas legislativas no PSD, para que numa próxima vez se possa votar em branco ou nulo para se eleger menos deputados?

Para Rui Rio a Assembleia da República teria uma composição variável - a eleição de mais ou menos deputados, teria a ver com o número de votos brancos e nulos”, mas a abstenção não contaria e que o limite mínimo andaria à volta dos 180 deputados.

Não é com ideias populistas como esta que se revitaliza a democracia.

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:19

Marcelo Rebelo de Sousa esteve ontem na Fundação Luso-Americana para o Desenvolvimento (FLAD). No discurso, em inglês, mostrou-se preocupado com os resultados das europeias do passado domingo - "o que aconteceu à direita é muito preocupante". Para Marcelo, "há uma forte possibilidade de haver uma crise na direita portuguesa nos próximos anos" e defendeu que o seu papel "é importante para equilibrar os poderes".

Marcelo na FLAD.png

Está dado o mote - no próximo mandato, Marcelo não será o presidente das selfies mas sim uma força de bloqueio ao governo de António Costa. Será que depois deste discurso, os socialistas que o têm venerado continuam a querer apoiá-lo na candidatura para o próximo mandato?

No PSD, os militantes estão muito calados e não se tem ouvido muitas críticas a Rui Rio. Já Assunção Cristas está a ser muito criticada por militantes do CDS - "O país nao está interessado em saber se Assunção Cristas sabe fazer arroz com atum", disse Fernando de Almeida, presidente do CDS de Ovar, numa alusão à ida de Cristas ao programa de Cristina Ferreira. Fernando Almeida demitiu-se por não se rever na atual liderança do partido.

 

Foto do site da SIC Notícias.

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:44

Europeias 2019

27.05.19

Os poucos portugueses que votaram (31%) não quiseram fazer grandes mudanças. Afinal o Aliança não conseguiu eleger eurodeputados, Marinho e Pinto não volta para Bruxelas. A única ligeira mudança foi a eleição de Francisco Gurreiro, do PAN, que já estava no Parlamento português.

jornal JN 27052019.png

A comunicação social também tem muita culpa pois dá a voz sempre aos mesmos.

O PCP não conseguiu ter o excelente resultado de há 5 anos, passando de 3 eurodeputados para 2 (talvez). Quem agora tem mais eurodeputados, à esquerda é o Bloco, que passou de 1 para 2 ou 3.

O PS mantém os mesmos eurodeputados ou tem mais 1, já o PSD mantém ou perde , enquanto que o CDS mantém Nuno Melo.

Faltam ainda atribuir 6 eurodeputados.

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:59

Foto do dia 156

26.05.19

Noite eleitoral na NET (site da RTP).

Europeias2019.png

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:13

Domingo alguns portugueses irão votar nas eleições para o Parlamento Europeu. A abstenção deverá ser muito grande e ainda por cima no domingo vai estar muito bom tempo. Nas Europeias de 2014, que se realizaram a 25 de Maio, abstiveram-se 66% dos eleitores.

Boletim de voto europeias 2019.jpg

São 21 os deputados que vão para Bruxelas e Estrasburgo. Em 2014, foram eleitos 8 deputados pelo PS, 6 pelo PSD, 1 pelo CDS, 3 pelo PCP, 1 pelo Bloco de Esquerda e ainda 2 pelo Partido da Terra.

Tendo em conta as sondagens, a campanha eleitoral e os debates, acredito que PS ou PSD possam perder 1 eurodeputado, o PCP pode também perder 1 eudeputado, o Bloco deve ganhar mais 1 ou 2 eurodeputados e o CDS poderá voltar a ter 2 eurodeputados. Relativamente aos pequenos partidos, não acredito que Marinho e Pinto volte a ser eleito, agora no PDR, já o PAN deve eleger 1 eurodeputado, o mesmo acontecendo com o Aliança, já o Livre andará novamente perto de eleger um eurodeputado.

 

Foto do site da SIC Notícias.

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:27

Voto antecipado

20.05.19

Finalmente tomaram uma medida que combate a abstenção. Os portugueses que não vão poder estar no próximo domingo na sua zona de residência oficial, poderam votar ontem onde se encontravam. Quase 20 mil eleitores inscreveram-se para votar antecipadamente.

voto antecipado.jpg

Em Lisboa, a mesa de voto era na Câmara de Lisboa. Já não se via filas para votar há muitos anos. Houve até quem desistisse de esperar na fila. Da próxima vez tem de haver mais mesas para votar. Ontem foram só 19 os locais onde se podia votar.

Claro que não é por causa desta medida que a abstenção vai ser menor mas sempre ajuda um pouco.

 

Foto do site do Observador.

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:58

Ontem começou oficialmente a campanha eleitoral para a eleição dos deputados para o Parlamento Europeu. À noite os candidatos dos pequenos partidos estiveram na RTP3 a responder a perguntas de Maria Flor Pedroso. Em estúdio estavam 10 candidatos e ainda faltaram 2 - Marinho e Pinto, do PDR, e André Ventura, do Basta. Rui Tavares apareceu com uma camisola a dizer "Um 25 de Abril para a Europa", com 9 estrelas e uma criança com um cravo na mão.

os pequenos na RTP3.png

O programa teve quase 100 minutos de duração. Alguns dos candidatos mereciam ter mais atenção por parte da comunicação social pois têm ideias válidas sobre a Europa. Acho mais interessante ouvir alguns destes candidatos, do que alguns que aparecem todos os dias nas televisões e nada dizem sobre o tema destas eleições. Foi interessante ouvir Rui Tavares, Paulo Morais, do Nós Cidadãos, Paulo Sande, do Aliança, Jorge Guerreiro, do PAN, e Ricardo Arroja, da Iniciativa Liberal. 

As eleições são já no dia 26.

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:43

Volte-face

06.05.19

Acabou a crise política em Portugal. Afinal os professores não vão ser descongelados como queriam. Tudo graças ao CDS e ao PSD que voltaram atrás. Quem sai a ganhar com tudo isto é António Costa, que tinha ameaçado demitir-se se a lei que devolvia todo o tempo congelado da carreira dos professores fosse aprovada.

Assunção Cristas foi a 1ª a voltar atrás, no noticiário da hora de almoço de ontem. Rui Rio que não quis falar no sábado, só falou ontem às 18h30. Rui Rio justificou-se melhor mas todos ficam a pensar que foi atrás de Assunção Cristas.

Mário Nogueira também falou ontem antes dos Telejornais, à porta de uma escola de Coimbra. Explicou bem tudo o que tem acontecido mas sai derrotado pois não conseguiu o que queria. Quem sabe se na próxima legislatura, se o PS não tiver maioria absoluta, o tema volta à baila e nessa altura conseguem convencer António Costa.

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:35



Astronomy Picture of the Day