Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Greve na Plural

07.12.18

Os trabalhadores e técnicos da Plural Entertainment, responsável pela ficãço da TVI, estão em greve. Lutam contra o excesso de trabalho na empresa. Queixam-se que trabalham 12 horas por dia.

greve na Plural.jpeg

Alguns dos actores mais conhecidos das novelas também se juntaram à luta dos trabalhadores da empresa.

 A greve começou na 3ª feira e já está a causar problemas. A greve é às horas extraordinárias e começa "sempre depois das oito horas de trabalho" e não são sempre os mesmos a fazer greve.

Será que vão conseguir mudar as suas condições de trabalho? As novelas estarão em risco?

 

Foto daqui.

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:18

JUSTIÇA!

16.11.18

A "jornalista" Tânia Laranjo, da CMTV, que permaneceu os últimos dia à porta do Tribunal do Barreiro, ficou chocado com a decisão do juiz Carlos Delca, que teve a coragem, contra todos os comentadores, de deixar Bruno de Carvalho em Liberdade, depois de 4 dias detido na GNR de Alcochete. Para ela a decisãoé muito estranha. Para ela, e muitos outros jornalistas e comentadores, a decisão do juiz tinha de ser prisão preventiva pois Bruno de Carvalho é um "terrorista" e é responsável pelo ataque aos jogadores do Sporting, em Maio, em Alcochete.

Bruno de Carvalho deve ter explicado tudo o que levou ao ataque de Alcochete, deixando o juiz sem possibilidade de o acusar . 

Para além de Bruno de Carvalho, também Nuno Mendes, líder da Juventude Leonina, mesmo acusado de tráfico de droga, saiu do Barreiro em Liberdade.

Também se fala que os alegados atacantes a Alcochete, que estão em prisão preventiva, vão ser soltos.

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:19

Depois das greves no Porto de Lisboa, de há 2 anos, agora é em Setúbal.

Em Lisboa, o acordo com o sindicato dos estivadores foi conseguido em 27 de Maio de 2016, tendo sido assinado no final de Junho. Um ano depois, o Porto de Lisboa regressou à trajectória de crescimento e aumentou em 53% o volume de carga contentorizada e em 33% a tonelagem movimentada.

Em Setúbal luta-se agora contra o trabalho precário - 90% dos trabalhadores, muitos há 20 ou mais anos, que tem contratos diários (trabalham lá todos os dias e no final do dia são despedidos).

Há uma semana que a maioria dos trabalhadores do Porto de Setúbal, com contratos precários, não trabalha. A paralisação já mandou 22 navios para trás. O Porto de Leixões tem sido a alternativa a Setúbal. A Autoeuropa tem sido uma das empresas mais afectadas.

Espero que os estivadores de Setúbal deixem de ser precários rapidamente.

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:10

Começou o Web Summit, pelo 3º ano consecutivo em Lisboa. São cerca de 70 mil os participantes, que vão estar por cá pelo menos até 5ª feira. O sucesso está garantido.

António Guterres, António Costa, Fernando Medina e o pai da web, Tim Berners-Lee, foram os primeiros a subir ao palco.

Fernando Medina trouxe para o palco um retrato do navegador português Fernão de Magalhães, ao fundador da Web Summit, Paddy Cosgrave. Fernão de Magalhães fez a viagem de circum navegação à volta do mundo entre 1519 e 1522, mas ao serviço do rei de Espanha. Para o ano comemora-se os 500 anos desta fabulosa viagem. Durante a sua intervenção disse que "Lisboa é uma das mais antigas cidades do mundo. Tem sido, ao longo dos séculos, um lugar onde as pessoas têm construído a sua vida e colocado as suas esperanças. (…) Estamos muito orgulhosos de ser a casa do Web Summit nos próximos anos. Queremos fazer de Lisboa a capital da inovação, do empreendedorismo, mas sobretudo da tolerância." O que lhe interessa é que os participantes no Web Summit gastem muito dinheiro em Lisboa e que para o ano voltem.

 

 Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:25

Cristiano Ronaldo esteve em Las Vegas de férias em Junho de 2009. Lá conheceu intimamente Kathryn Mayorga, que na altura tinha 25 anos. Agora ela acusa-o de mais de 10 crimes e exige uma indemnização de 50 mil dólares por cada.

Na altura Kathryn Mayorga fazia trabalhos de modelo e frequentava bares para ajudar a atrair clientela. Antes tinha sido professora de Educação Física numa escola primária.

Os advolgados de Kathryn Mayorga alegam que ela terá sido coagida a assinar um acordo de confidencialidade a troco de cerca de 325 mil euros. Agora quer mais dinheiro.

Ontem no Twitter, Cristiano Ronaldo escreveu: "Nego terminantemente as acusações de que sou alvo. Considero a violação um crime abjecto, contrário a tudo aquilo que sou e em que acredito. Não vou alimentar o espectáculo mediático montado por quem se quer promover à minha custa".

A vida de Cristiano Ronaldo não vai ser fácil nos próximos tempos e de certeza que lhe vão à conta bancária.j

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:31

Foi a mulher

27.09.18

A Judiciária já terá descoberto quem terá morto o tri-atleta de Vila Franca de Xira, Luís Grilo. Passado um mês do aparecimento do corpo a 140 km de casa, em Covões, a 20 km de Benavila, a terra dos sogros, perto de Avis, e quase 2 meses e meio desde o seu desaparecimento, ontem a mulher foi detida. Um outro homem, amante da viúva, também terá sido detido por estar envolvido no homicídio.

No início todos pensavam que teria sido um acidente de viação.

No dia do funeral a mulher chorava abraçada ao filho.  Numa entrevista à TVI24, no início de Setembro, negou perentoriamente qualquer envolvimento no homicídio.

A Judiciária estranhou que o corpo tivesse aparecido em Avis. As marcas no corpo, sobretudo ao nível da cabeça, eram de extrema violência, o que indiciava ter-se tratado de um crime de raiva, cometido por vingança. Segundo a Judiciária a morte terá ocorrido em casa de Luís Grilo.

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:49

Em luta

20.09.18

Os taxistas voltaram à luta contra as plataformas electrónicas de transporte como a Uber ou a Cabify. Ontem na Avenida da Liberdade só circularam transportes públicos. Também houve protestos em Faro e no Porto. Durante a tarde Florêncio Almeida, da Associação Nacional de Transportadores Rodoviários em Automóveis Ligeiros (ANTRAL), reuniu-se com os vários partidos no Parlamento para que seja pedida a fiscalização sucessiva da lei que regula regula a atividade das plataformas electrónicas de transporte.

As reuniões com os taxistas parece que surtiram algum efeito. Segundo os responsáveis, os Verdes e o Bloco de Esquerda mostraram-se disponíveis para ponderar um pedido de fiscalização sucessiva da lei e o PCP está disposto a propor a revogação da lei. No entanto, o protesto continua até haver respostas concretas do governo. 

Enquanto taxistas e plataformas electrónicas não trabalharem com as mesmas regras não haverá paz. Muitos utilizadores da plataformas electrónicas de transporte dizem que as preferem por causa da simpatia, educação, limpeza, condução cuidada e terem um sistema de cobrança mais honestos.

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:18

Finalmente já um projecto para a zona de entre campos, em Lisboa, na zona da antiga Feira Popular e de uma parte do antigo Mercado Abastecedor.

O futuro de Entrecampos.jpgQue saudades dos tempos passados na Feira Popular.

Os terrenos serão destinados sobretudo à construção de escritórios, mas terão também de habitações. Mas já não chega de escritórios em Lisboa? No local haverá também um jardim de grandes dimensões - um terço da área dos terrenos da antiga Feira Popular.

Prevê-se também  a construção de 700 fogos de habitação de renda acessível na zona de Entrecampos (515 construídos pelo município), de um parque de estacionamento público na Avenida 5 de outubro, de 3 creches e 1 jardim-de-infância, uma unidade de cuidados continuados e de um centro de dia com valência de lar.

O investimento previsto ronda os 800 milhões de euros, 100 dos quais responsabilidade municipal, e vai permitir a criação de 15 mil empregos.

 

Foto do site do DN.

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:28

Pela 9ª vez

11.05.18

Marcelo Rebelo de Sousa vetou, na 4ª feira, o decreto que estabelece e regula o direito à autodeterminação da identidade e expressão de género, permite a mudança da menção do sexo, no registo civil, a partir dos 16 anos, e consequente alteração do nome próprio, sem necessidade de relatório médico, e o direito à proteção das características sexuais de cada cidadão. Esta foi a 9ª vez em 2 anos que Marcelo veta uma lei

Há algumas semanas um grupo de 25 pais de transgéneros enviaram uma carta ao Presidente da República a pedir-lhe que promulgue o diploma pois é "uma lei que permite aos nossos filhos construir um futuro com dignidade, garantindo-lhos o direito à sua privacidade e autonomia, ao invés de viverem condicionados não só pelo preconceito, mas também por pareceres da classe médica". 

Já a Associação dos Médicos Católicos Portugueses tinha apelado ao presidente que vetasse a lei uma vez que a dispensa de um parecer médico reveste-se de "uma enorme gravidade em termos de saúde pública".  

O decreto tinha sido aprovado pela Assembleia da República, a 13 de Abril, com votos favoráveis do Partido Socialista, Bloco de Esquerda, Verdes, PAN e por Teresa Leal Coelho do PSD. O Partido Comunista absteve-se. enquanto que PSD e CDS-PP votaram contra.

Agora o decreto lei volta ao Parlamento para ser reformulado.

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:24

Retrocesso

25.04.18

O Tribunal Consitucional anunciou ontem o chumbo de algumas normas da lei da da gestação de substituição. 

Para o Tribunal é insconstitucional a regra do anonimato de dadores e da gestante de substituição face a quem tenha nascido em consequência de processos de procriação medicamente assistida e a regra que dispensa a averiguação oficiosa da paternidade de uma criança filha de uma mulher tenha recorrido sozinha às técnicas de procriação medicamente assistida. Cada caso é um caso e o casal que recorrer à procriação medicamente assistida e o dador ou a gestante de substituição é que devem decidir se querem que haja anonimato.

Agora espera-se que a lei seja alterada rapidamente e não surjam novos entraves para que muitos casais que não têm filhos os possam ter. Felizmente a inconstitucionalidade não se aplica a casos que já estão a decorrer.

 

Há 1 ano aqui na Espuma dos Dias.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:33



Astronomy Picture of the Day


Música do dia

anteriores

Tira do Armandinho